Menu Fechar

Defesa Nacional

  • Valorizar os que escolheram servir Portugal, avançando com as políticas de educação e formação, consolidando as reformas do sistema de saúde militar, prosseguindo a adequação dos mecanismos de recrutamento, de retenção e de reinserção, melhorando as condições de trabalho e dignificando e apoiando os Antigos Combatentes, incluindo os Deficientes das Forças Armadas.
  • Aproximar a Defesa Nacional e a sociedade civil, promovendo uma cultura de segurança e de defesa nacional, aprofundando ações no âmbito do sistema educativo, estimulando a investigação científica, incrementando o esforço de disponibilização de informação e melhorando o conhecimento sobre as nossas Forças Armadas, através da criação de mecanismos mais eficazes de interação com o resto da sociedade.
  • Adaptar a Defesa Nacional e transformar as Forças Armadas para corresponder aos desafios da próxima década, continuando a investir em meios e equipamentos de importância estratégica, numa lógica de gestão rigorosa, eficiente e otimizada dos recursos disponíveis.
  • Dinamizar a componente externa da Defesa, reforçando o prestígio internacional de Portugal como produtor de segurança, fomentando a presença nas organizações multilaterais, renovando e alargando a cooperação no domínio da Defesa, fortalecendo os fóruns de diálogo regional e apostando no desenvolvimento dos centros de excelência multinacionais.
  • Impulsionar a economia de defesa, consolidando o papel do Estado na gestão das participações públicas no setor e enquanto agente facilitador da internacionalização da indústria de defesa e dos clusters relacionados com esta área.